#AGORAMAISDOQUENUNCA

O Google Maps é, juntamente com outros diretórios como Tripadvisor ou Yelp, uma das maiores bases de dados públicas sobre empresas em atividade. Uma grande quantidade de clientes consulta este serviço antes de dirigir-se a um estabelecimento oudurante o surto de coronavírus, para saber se pode fazer pedidos. Como é que o Google Maps e o Google My Business podem ajudar a manter o nosso estabelecimento ativo durante estes dias?


Tem uma conta Google My Business?

Google My Business é uma ferramenta que nos permite editar a ficha do nosso estabelecimento no Google Maps, bem como interagir com os clientes, informá-los de que fazemos entregas ao domicílio, reservar uma mesa (o que atualmente não é possível) e receber pedidos através de Just Eat ou Deliveroo. Para ceder a este serviço gratuito, é preciso abrir uma conta Google My Business utilizando uma conta pessoal do Google e, durante o processo de registo, procurar o nosso estabelecimento (se já está no Google Maps) ou criá-lo de raiz. O registo é muito simples e conta com um tutorial que vai dando orientações.

Informar os seus clientes sobre a entrega ao domicílio

No final do registo do nosso estabelecimento em Google My Business, poderemos assinalar a opção «Ofereço bens e serviços na localização dos meus clientes». O Google Maps ainda não permite filtrar por opções de delivery, mas se assinalarmos esta opção, os utilizadores da aplicação verão o texto «Restaurante de entrega ao domicílio» logo abaixo dos comentários. Além disso, as pesquisas orgânicas no Google do tipo «restaurante de comida tradicional com entrega ao domicílio» darão como resultado o nosso estabelecimento. Nos últimos 30 dias ocorreu um aumento deste tipo de pesquisas em Espanha: «comida ao domicílio Madrid» tem +190% de pesquisas e «comida ao domicílio perto de mim» +80%. Isto representa uma oportunidade de negócio. Na ficha do Google My Business podemos acrescentar uma ou várias zonas de serviço. Há um modo simples, que nos permite escolher códigos postais e outro um pouco mais avançado. Com isto, facilitamos ao cliente a tomada de decisões sobre o nosso estabelecimento, mas também delimitamos o negócio.

Incluir um telefone de contacto

É importante incluir um telefone de contacto na ficha do Google My Business, tanto para receber pedidos de entregas ao domicílio como para esclarecer as dúvidas dos clientes. Desta forma, podemos contactar diretamente. Embora alguns estabelecimentos disponham de página Web ou ficha em serviços como o Just Eat, há clientes que preferem telefonar para fazer o pedido.

Estabelecer o novo horário de atendimento ao público

No Google Maps é possível criar um horário de abertura do estabelecimento ou de atendimento ao público para cada dia, incluindo um horário parcial, do género «12:00 às 16:00 e 19:00 às 24:00». Rever o horário apresentado atualmente e corrigi-lo para que o cliente disponha desta informação é uma medida a ter em conta.

Continua aberto como «delivery»? Indique-o na descrição

No ponto anterior pode surgir uma dúvida. Os clientes atuais sabem que não podem ir ao seu estabelecimento comer, sendo recomendável estabelecer um horário de atendimento ao público. No entanto, os clientes podem pensar erradamente que o estabelecimento dispõe do serviço de take away (recolha de comida no estabelecimento). Para esclarecer dúvidas, é aconselhável editar a descrição do estabelecimento e escrever «Durante a pandemia de COVID-19 apenas fazemos entregas ao domicílio» ou uma mensagem semelhante. Desta forma, evitamos equívocos, mas também deixamos claro que continuamos abertos e ao dispor dos nossos clientes.

Inclua o seu menu

Nos negócios de restauração, o Google My Business permite editar a opção de «Menu», onde podemos incluir o menu e os respetivos preços. Neste momento, é altamente recomendável editar esta ficha, mesmo se já tivermos uma edição automática prévia sugerida pelos utilizadores.

Tirar fotografias de qualidade aos pratos

O Google My Business permite carregar fotografias do estabelecimento. Agora que talvez tenhamos um pouco mais de tempo, pode ser muito boa ideia aproveitá-lo para tirar fotografias aos nossos pratos típicos, para chamar a atenção dos clientes.

Obrigado a fechar? Verifique o sinal de “Aberto”

Por vezes, a orientação para o cliente exige tomar medidas difíceis, como indicar “fechado” para o informar da situação. No Google My Business poderemos colocar este sinal virtual: “Temporariamente fechado”. Aliás, é possível que nos últimos tempos este sinal tenha aparecido automaticamente devido aos algoritmos do sistema. Convém rever esta configuração se continuamos abertos.